Nobel de Física de 2006

Publicado: 3 de outubro de 2006 em Uncategorized

Os norte-americanos John Mather e George Smoot ganharam o prêmio Nobel de Física de 2006, nesta terça-feira, por seu trabalho com um satélite que forneceu mais fundamentos para a teoria do Big Bang, sobre a origem do universo.

A Real Academia Sueca de Ciências, que concedeu o prêmio de 1,37 milhão de dólares, disse que os dois homens foram úteis para o sucesso do programa do satélite COBE, lançado pela Nasa, a agência espacial norte-americana, em 1989.

Medições feitas pelo satélite deram uma compreensão mais clara da idade do universo, das galáxias e das estrelas. A avaliação foi realizada por meio do cálculo da temperatura da radiação das microondas cósmicas de fundo, uma relíquia da fase inicial do universo, disse a Academia.

Mather, do Centro de Vôos Espaciais da Nasa em Maryland, coordenou o programa inteiro do satélite COBE. Smoot, da Universidade da Califórnia, Berkeley, tinha a responsabilidade principal de medir pequenas variações de temperatura na radiação.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s